Notícias Corporativas

ESG é tema de destaque para a governança ambiental e social das empresas

Hoje empresas que ainda não mudaram suas práticas para outras mais sustentáveis e inclusivas sofrem pressão da sociedade para rever suas políticas. Desta forma, questões relacionadas aos princípios do Environmental Social Governance (ESG), em livre tradução para o português — Governança Ambiental e Social vêm ganhando espaço. Segundo recente relatório divulgado pelo Pacto Global da ONU no Brasil, 78,4% das corporações entrevistadas — 190 organizações da iniciativa privada, do setor público e do terceiro setor — responderam que inseriram o ESG na elaboração das suas estratégias de negócio.

As ações que correspondem ao ESG vão desde projetos de economia de recursos ambientais até medidas de RH que visam garantir a diversidade, a inclusão e a igualdade no ambiente de trabalho. Dados ainda mostram que 62,1% têm investido em iniciativas de redução das emissões de gases de efeito estufa, especialmente nos setores de indústria, infraestrutura, comércio e agronegócio.

Por isso, implementar políticas de responsabilidade social e ambiental podem impactar o futuro das comunidades de forma positiva.

 1 – O futuro climático do planeta depende de todos

Um dos vilões do aquecimento global é o consumo de energia, principalmente, as que são altamente poluentes e contribuem para o aumento de emissões de carbono e outros gases de efeito estufa. Toda empresa pode fazer a sua parte na gestão eficiente dos recursos e investir em tecnologias verdes e sustentáveis, diminuindo o consumo de energia de fontes não renováveis.

2 – Uso responsável da água

As empresas são as grandes consumidoras dos recursos hídricos do planeta, nada mais justo que as mesmas corporações adotem uma gestão inteligente da água. O primeiro passo é realizar uma análise detalhada de consumo para identificar os principais pontos de uso e entender quais são as atividades que consomem maiores quantidades. Ademais, é possível implementar sistemas de reuso de água que permitam a utilização dela para fins não potáveis, como irrigação de jardins e limpeza de pisos e equipamentos.

3 – Adoção de relatórios ambientais e eventos que discutem o tema

A transparência é um dos pilares da governança ambiental, por isso toda e qualquer empresa que queira incorporar o ESG deve ser clara em relação às suas práticas. O indicado é que a corporação elabore relatórios regulares de impacto ambiental, onde demonstra os resultados alcançados e dispõe sobre os projetos que ainda pretende executar. Além disso, uma das boas práticas de responsabilidade ambiental inclui fazer encontros com outros players do mercado para discutir ações conjuntas. 

4 – Trabalhando para e com a comunidade 

Ter responsabilidade social é lutar junto com as pessoas para a melhoria de vida. São inúmeros os projetos que as empresas podem realizar engajando a comunidade. Trabalhar com educação ambiental e apoiar iniciativas de preservação do meio ambiente e recursos são duas formas eficientes de trazer homens, mulheres e crianças para dentro de causas sociais e ambientais.

5 – ESG é pensar no bem-estar de cada colaborador 

É impossível falar em responsabilidade ambiental e governança sem citar os profissionais que trabalham nas empresas. As ações de ESG devem, em primeiro lugar, impactar positivamente o dia a dia dos colaboradores. O departamento de recursos humanos pode oferecer programas contínuos de desenvolvimento profissional e também incluir políticas para garantir equipes plurais e diversas. “A promoção de uma cultura organizacional ética valoriza a honestidade, a responsabilidade, a transparência e a diversidade, sendo essencial para a construção de uma governança sólida e confiável”, explica Daniela Geisler, Gerente de Marketing da Hikvision.

INSCREVA-SE E FIQUE POR DENTRO DAS NOSSAS NOVIDADES, SORTEIOS E PROMOÇÕES

Invalid email address
Prometemos não enviar spam para você.  Pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos. A publicidade é uma fonte importante de financiamento de nosso conteúdo. Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.