Notícias Corporativas

Em 2023, 84% da população não comprou nenhum livro

No último ano, cerca de 84% da população brasileira com mais de 18 anos, não comprou nenhum livro. Os dados são do estudo ‘Panorama do Consumo de Livros’, feito pela Nielsen BookData, encomendado pela Câmara Brasileira do Livro (CBL). Apesar disso, a pesquisa aponta que o Brasil tem cerca de 25 milhões de consumidores e que 74% deles pretendem adquirir um livro nos próximos três meses.

E incentivar a leitura é justamente o objetivo do Instituto Caminho de Davi, em Curitiba, no Paraná, que apresenta para as crianças a leitura como algo divertido, além de formar futuros pensadores e pessoas conscientes. O espaço, localizado no bairro Portão, atende cerca de 1400 crianças, de sete escolas. “Toda essa experiência proporciona às crianças um ambiente amigável, de aprendizado, aproximação, empatia e contato”, afirma Patrícia Walger, fundadora do Instituto Caminho de Davi.

 O Instituto realiza nas escolas e na própria sede, rodas de leitura, contação de história e atividades que envolvem arte, como pintura. “Cada atividade é muito bem pensada e planejada; por isso, buscamos alternativas para ter uma leitura mais lúdica, por exemplo, com fantoches, música e até dança”, explica Patrícia. Ela acrescenta que, em breve, o Instituto oferecerá também aulas de informática para capacitar os frequentadores.

Interação, compartilhamento e aprendizado por meio da leitura

 Nas rodas de leitura, as crianças têm um momento único para conviver, interagir e compartilhar histórias literárias umas com as outras. “Com a companhia de uma mediadora e de colegas, elas podem desenvolver suas habilidades de leitura, conversar sobre o livro e compartilhar sentimentos”, ressalta Patrícia.

Para a fundadora do Instituto, além da leitura, a formação educacional dos estudantes precisa envolver todos os sentidos. Pensando nisso, audição, atenção e imaginação são desenvolvidas através da contação de histórias com performance. “Com um vasto repertório que passa entre literatura clássica, contemporânea, fábulas, e lendas, acendemos a chama da criatividade e trazemos mais cultura às nossas crianças”.

Patrícia reforça que uma das formas de ajudar o Caminho de Davi é realizando a doação de livros. “Ensinamos às nossas crianças que ganhar um livro significa mais que apenas levá-lo embora. Ao ter um livro em casa, os pais podem ler para seus filhos, assim como as crianças podem fazer sua própria roda de leitura em casa, gerando um momento de familiaridade, conexão e bem-estar”.

Apoio

O Instituto Caminhos de Davi recebe o apoio de empresas como Neoconsig, Alias e Use Mais, que são apoiadoras da iniciativa desde o início. Mais do que suporte financeiro (as três são mantenedoras do espaço), as empresas contribuem com recursos humanos. Os voluntários que chegam por meio das empresas doam seu tempo e ensinam suas habilidades para ajudar no desenvolvimento de programas educacionais, atividades recreativas e outras iniciativas do Instituto Caminho de Davi. “O programa de voluntariado, em parceria com a Use Mais, Neoconsig e Alias é uma parceria de ganha-ganha”, diz Patrícia. Na visão dela, a troca de conhecimento e experiência é valiosa não apenas para as crianças atendidas pela instituição, mas também para os próprios funcionários, que têm a oportunidade de se envolver em causas sociais e desenvolver habilidades de liderança e trabalho em equipe. Já para as crianças este apoio é fundamental, pois é dessa forma que mantemos viva a imaginação das nossas crianças, fomentando um futuro melhor para elas. “Ao ser uma empresa amiga, você demonstra o compromisso com a sociedade e a educação”, conclui Patrícia. Para conhecer o Instituto Caminho de Davi, basta acessar aqui.  

INSCREVA-SE E FIQUE POR DENTRO DAS NOSSAS NOVIDADES, SORTEIOS E PROMOÇÕES

Invalid email address
Prometemos não enviar spam para você.  Pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos. A publicidade é uma fonte importante de financiamento de nosso conteúdo. Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.