Notícias Corporativas

Golpes digitais aumentaram 35% em 2023 no Brasil

O ano de 2024 já começou, e isso dá a oportunidade de analisar os últimos doze meses em diversos aspectos. Um deles é um dado que, infelizmente, não deve ser celebrado: os golpes digitais aumentaram até 35% entre janeiro e dezembro de 2023.

Segundo informações divulgadas no site TI Inside, os golpes bancários lideraram as ameaças em 2023. Os movimentos mais utilizados incluem furto ou roubo do celular para acessar dados bancários das vítimas via aplicativo. Outra possibilidade é fazer uma ligação telefônica ou usar um link malicioso para obter credenciais, permitindo a realização de transações indevidas.

Para casos de roubo, vale lembrar que o Governo Federal disponibilizou o aplicativo Celular Seguro. Ele interliga diversos sistemas, como bancos e operadoras de telefonia, e caso algo aconteça com o smartphone basta enviar um alerta para notificar todos os sistemas.

Outros casos comuns

Os golpes envolvendo aplicativos de banco não foram unanimidade em 2023. Além dele, uma forma que ainda faz várias vítimas é o do emprego falso, que muitas vezes é aplicado para roubar dados ou exigir pagamento de taxas para serviços inexistentes.

Apesar de ser uma forma recorrente de ataque, Igor de Andrade, especialista em segurança digital da HostGator, não acredita que esse golpe continue existindo por muito tempo.

“Não creio que esse golpe perdure por muito tempo. Devido à pandemia, isso se acentuou bastante por conta do nível de desemprego em que o país se encontra. As formas e tentativas têm um período de validade, então eles precisam se atualizar para conseguir angariar mais vítimas e é normal os formatos serem reciclados”, explicou Andrade.

Por fim, outros dois golpes que entram na lista dos mais usados em 2023 são os de links maliciosos enviados por SMS ou e-mail e maquininha. Enquanto a primeira opção é vista em casos de phishing, a que envolve máquinas é recorrente em lugares com grandes aglomerações por conta do sistema de pagamento por aproximação.

Especialmente nos casos envolvendo links, o especialista em segurança digital da HostGator dá algumas dicas do que se deve fazer.

“É bom ficar de olho, no caso de e-mail, se ele utiliza o domínio válido (no caso do Banco do Brasil, por exemplo, se é @bb.com.br e não @gmail.com), procure por erros gramaticais e veja se aquele número condiz com o WhatsApp da empresa. Para promoções, atente-se ao número 0303, que é exigência da Anatel para telemarketing/promoções”, finaliza Andrade.

INSCREVA-SE E FIQUE POR DENTRO DAS NOSSAS NOVIDADES, SORTEIOS E PROMOÇÕES

Invalid email address
Prometemos não enviar spam para você.  Pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos. A publicidade é uma fonte importante de financiamento de nosso conteúdo. Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.