Notícias Corporativas

Mais Solidário oportuniza graduação sem Enem e com bolsa

Uma ideia nascida da Bahia têm facilitado o caminho para estudantes de baixa renda realizarem o sonho de uma vaga no ensino superior e, consequentemente, no mercado do trabalho. A startup Mais Solidário conecta alunos às instituições de graduação, pós-graduação e ensino técnico que detém vagas ociosas com condições acessíveis que dispensam a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O projeto já ultrapassou as fronteiras do estado onde nasceu e comemora o feito de impactar cerca de 12 mil famílias, especialmente em estados do Nordeste brasileiro.

Criado em 2017, o Mais Solidário busca promover a inclusão social por meio da educação para estudantes de baixa renda que não tiveram acesso ou êxito no Enem. Para isso, a iniciativa oferece bolsas de estudos parciais, que chegam a até 80% de desconto em instituições privadas.

“Muitas pessoas que desejam fazer a sua graduação passam por um período de incertezas, principalmente quando o assunto é Fies [Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior] e Prouni [Programa Universidade para Todos]. Muitos acadêmicos concluem seus cursos com uma dívida que chega a durar por volta de 15 anos, e sem a garantia do emprego posterior à formatura”, comenta o CEO do Mais Solidário, Mozart Estrela, professor universitário e mestre em Desenvolvimento Regional.

A startup educacional baiana, de acordo com Estrela, foca nas cerca de 3,2 milhões de vagas ociosas por não serem preenchidas por alunos que dependem da nota do Enem para pedir financiamento em programas federais. O professor explica que este número representa 52% das 6,1 milhões de vagas para cursos superiores oferecidas pelas instituições de ensino de todo o Brasil.

“O mais grave é que os mais prejudicados são sempre as mesmas pessoas: na sua grande maioria, jovens de classe média baixa, filhas e filhos de famílias com faixa de renda de até 5 salários mínimos, jovens negras e negros, moradores de bairros populares”, destaca o professor. O CEO ainda alerta que, das vagas ociosas, 1,2 milhão estão no Nordeste e cerca de 373 mil, especificamente na Bahia.

Para minimizar esse problema, o Mais Solidário tem parceria com cerca de 1 mil instituições de ensino espalhadas em 1.100 municípios brasileiros. Ao todo, a startup oferece 280 mil vagas.

No Nordeste, onde o Mais Solidário tem uma atuação mais expressiva, calcula-se uma economia de R$ 6,5 milhões para os alunos beneficiados pelas bolsas. “Esses jovens têm um potencial incrível e a educação pode fornecer dignidade para suas famílias a partir de seus esforços e competência. Me sinto muito honrado quando encontro com uma pessoa que foi beneficiada pelo nosso programa de acesso à educação”, ressalta.

Cursos e instituições

As oportunidades de estudo são as mais variadas, incluindo cursos presenciais e à distância. A lista inclui formação em áreas como Ciências Contábeis, Nutrição, Pedagogia, Enfermagem, entre diversos outros. Entre os cursos mais procurados estão: Direito, Enfermagem, Pedagogia, Análise de Desenvolvimento de Sistemas e Administração.

Entre as instituições parceiras estão a Faculdade de Tecnologia e Ciências da Bahia (Fatec), Faculdade Batista Brasileira, Faculdade Santíssimo Sacramento, além de diversas outras. O acesso aos cursos é feito por meio do site do Mais Solidário (linkar https://www.maissolidario.com.br).

Em números

Dados auditados de 2020 a 2023 dão conta de que 5.208 pessoas foram impactadas com o Mais Solidário. Entre elas: 68% mulheres; 98% Negras e negros; 95% Escolas Públicas; 57% não a média de 450 pontos no Enem; 78% Formados. De acordo com o CEO e professor baiano, Mozart Estrela, atualmente, 3.840 alunos são beneficiados com as Bolsas Graduação, 250 alunos com o Técnico e 1.130 alunos na Pós Graduação. Ao todo, 90% destes alunos estudam no modelo EAD e 10% de forma presencial.

Reconhecimento

O Mais Solidário já foi reconhecido com o selo iImpact Brasil 2022 pela Innovation Latam, e os selos de impacto da ABS Innovation, InovAtiva Brasil.

Em 2023, a startup recebeu a Certificação de Negócio de Impacto BNDES Garagem, BNB Vumbora Impacto, e ficou no Top 10 Expo Favela Innovation Bahia e Brasil. Também comemorou o Open 100 Startup Brasil, além de ser destaque na Startup Summit 2023, BTX Experience, Acelera Salvador, entre outras.

Recentemente, a Mais Solidário recebeu homenagem durante o Segundo Encontro de Gestores da Rede UniFatecie de Educação, uma de suas instituições parceiras. O evento celebrou a parceria e discutiu maneiras de continuar inovando na educação e fortalecer o compromisso social.

INSCREVA-SE E FIQUE POR DENTRO DAS NOSSAS NOVIDADES, SORTEIOS E PROMOÇÕES

Invalid email address
Prometemos não enviar spam para você.  Pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos. A publicidade é uma fonte importante de financiamento de nosso conteúdo. Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.