Início Negócios Como o restaurante Guaiamum Gigante sobreviveu à pandemia?

Como o restaurante Guaiamum Gigante sobreviveu à pandemia?

Publicidade

Restaurante, que já chegou a ter nove unidades, enxugou operação, apostou na fidelização no delivery com app próprio e prosperou durante uma das maiores crise sanitárias e econômicas do Brasil

‘Furtos do Mar’. Esse foi o primeiro nome do Guaiamum Gigante, restaurante familiar recifense que conquista nativos e turistas há quase 30 anos. O nome vem do guaiamum, um tipo de caranguejo azulado comum no nordeste do País. Cristiano Falcão, gerente do estabelecimento e filho dos donos, cresceu junto com o negócio, vendo-o sair da garagem dos avós e conquistar a região, chegando a possuir nove unidades. Porém, com a pandemia, vieram as dificuldades.

“Nesse mês de março, por causa das restrições, nós não abrimos. Então o nosso faturamento veio 100% do delivery. Nós mudamos nosso jeito de vender. Percebemos que ter uma operação grande era muito caro. Por isso, focamos em nossa principal unidade aqui em Recife e apostamos nas entregas. Com elas não é preciso ter tantas casas para alcançar o mesmo retorno. Hoje nosso faturamento vem 70% do aplicativo próprio e o resto do marketplace. Já chegamos a ter três mil pedidos por mês”, afirma Falcão.
Para aprimorar o delivery do restaurante, Cristiano pesquisou no mercado e escolheu o Delivery Direto, unidade de negócios do Grupo Locaweb, como parceiro para criar o app próprio do Guaiamum Gigante. “Escolhi a empresa por seu layout limpo e intuitivo. Eles criam um aplicativo amigável, prático, que funciona bem e é muito rápido. Hoje nós temos entre sete e oito mil clientes pelo delivery. 25% dos novos clientes vieram da nossa plataforma própria de entrega”.
O sucesso foi fruto de muito trabalho. Falcão acredita que o atendimento humanizado faz a diferença. “Com um app próprio nós conseguimos conversar com a nossa base de clientes. Por exemplo, fizemos uma enquete nas redes sociais se os seguidores já haviam experimentado a nossa parmegiana. Os que responderam não, nós entramos em contato com um cupom exclusivo de desconto com o nome do cliente, algo como JOAOCOMEMEUPARMEGIANA. Nessa o cara comprou, gostou e virou nosso cliente.”

Para os novos donos de restaurantes, Cristiano aconselha: “Foquem no que vocês são bons. Para a entrega, um cardápio legal, com boas fotos e descrição pesam na hora da escolha. E eu recomendo adotarem um aplicativo próprio. Com ele você tem ferramentas para conversar com muitos clientes de maneira personalizada. O relacionamento com quem compra o seu produto é o que leva o negócio para frente”, explica Falcão.

Para Allan Panossian, diretor e fundador do Delivery Direto, “o delivery tem se consolidado como uma tendência para o consumidor que busca comodidade e praticidade, no entanto, no atual cenário, vemos o serviço também como uma opção tanto para o restaurante que precisa manter sua operação saudável e pode contar com uma plataforma para ter maior organização e autonomia de operação, quanto para o cliente que quer receber suas refeições em casa”.

Sobre o Delivery Direto

O Delivery Direto é uma empresa que desenvolve aplicativos de delivery e gestão completa para restaurantes e já conta com milhares de clientes. A plataforma funciona como uma alternativa econômica aos apps de marketplaces, oferecendo controle total do relacionamento com os clientes.

INSCREVA-SE E FIQUE POR DENTRO DAS NOSSAS NOVIDADES, SORTEIOS E PROMOÇÕES

Invalid email address
Prometemos não enviar spam para você.  Pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.
Publicidade
Artigo anteriorAlta dos alimentos: Confira soluções para economizar na cozinha
Próximo artigo8 dicas para economizar em um casamento
Editora chefe da Revista Matrimoni e produtora de eventos corporativos e sociais, Assessora de casamento, e formada em Jornalismo e Publicidade e Propaganda.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor insira seu nome aqui